Lembranças

20 de mai de 2012

Inalo a nuvem no meu corpo.
Deito na grama úmida do jardim. Espero o momento em que me devo deixar ir. Sem sentir, meu coração viaja léguas e a distância fica pequena quando enfim nossas lembranças voltam, mesmo que por poucos segundos, à  minha mente.

Sorrio para mim mesmo. O vento faz minha alma mais leve. Tudo era tão importante quanto o fato de nós pordermos existir, sermos o que somos. E os caminhos mudaram, assim como o tempo, que de vez em quando faz o céu ficar mais azul.

Agora eu vejo vocês de longe. Daqui da grama úmida do jardim.

Fiquei a vê-los se afastar.
De mim.
Helio Filho

4 comentários:

  1. Lindo texto Helio,até senti uma certa menlancolia. Pense q as vezes algumas pessoas podem se afastar de vc pq simplesmente n fazem parte da sua vida, n eram pra estar com vc..e quem realmente gosta de vc nunca irá se afastar!

    bju!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Hany!

      É..você tem razão!
      É que as vezes algumas lembranças aparecem e é inevitável não sentir essa melancolia, esses sentimentos. Com certeza, quem gosta de mim nunca se afastará mesmo! Essas pessoas sim, são as que eu quero por perto sempre!

      Um bjo!

      Excluir
  2. Concordo plenamente com a Hany.
    Adorei o texto amigo, quanto sentimento e verdade em tão poucas palavras, parabéns! como sempre vc arrasou!

    Beijão! =*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado amiga! De coração!

      Grande bjoo! =)

      Excluir

Gostou do post? Deixe um comentário! Sua opinião é muito importante pra mim :)

| Powered by Blogger | Todos os direitos reservados | Melhor Visualizado no Google Chrome | Topo